Patentes Patéticas (nº. 113)

Quem disse que não se pode colocar os carros na frente dos bois? O inventor britânico Arthur Paul Pedrick acha que não só pode como deve. Tanto que em 1975 ele patenteou um sistema para “Propelling automobiles withour [sic] using Petrol or Gasolene [sic]”,...
Varrição eletromagnética (1930)

Varrição eletromagnética (1930)

Eletroímãs montandos em uma barra com rodinhas puxada por um carro tornam as ruas de Universal City, Califórnia, mais seguras para os motoristas. O íma recolhe pregos, tachinhas, pedaços de fios, porcas e parafusos soltos, além de ampla variedade de objetos de metal...
O Paradoxo das Apólices Concorrentes

O Paradoxo das Apólices Concorrentes

Há apólices de seguro que declaram-se inaplicáveis quando os danos ou ferimentos são cobertos por outras apólices. Isso significa que, caso haja um acidente, apenas uma apólice é paga para cobrir os prejuízos. Mas e se uma pessoa ferida — e excessivamente precavida —...
Patentes Patéticas (nº. 70)

Patentes Patéticas (nº. 70)

Ter o carro roubado é uma das piores experiências que um motorista pode ter. Ao longo do século passado, diversos sistemas (inclusive mecânicos) foram inventados e patenteados para evitar essa dor de cabeça. Mas nenhum é tão drástico quanto o Protective system for...
Dança da Manivela

Dança da Manivela

Em 1936, o escritor e jornalista norte-americano E.B. White relembrava suas experiências com o Ford T, que entre nós foi chamado Ford Bigode: Durante minha associação com Modelos T, self-starters não eram um acessório comum. Eram caros e vistos com suspeitas. Seu...

Patentes Patéticas (nº. 57)

Evitar acidentes de trânsito é importante. Usar fogos de artifício para tentar fazer isso é… patético. O californiano Harry Rudolph Rodrigues não deve ter percebido os riscos envolvidos nesse método ao inventar o Vehicular Impact Signaling Device [Dispositivo de...