O que andei vendo no Netflix em junho

O que andei vendo no Netflix em junho

Tanto as festas juninas quanto o semestre estão acabando e estive ocupado com a redação de um artigo para o Mestrado, mas isso não significa que abandonei meu hábito de ver (e recomendar) documentários sempre que possível. Neste mês, veremos a frágil beleza dos biomas...
O que andei vendo no Netflix em janeiro

O que andei vendo no Netflix em janeiro

Não vi tantos documentários quanto esperava neste mês de férias. Em parte foi por ter considerado poucas as estreias do gênero no Netflix, em parte por ter precisado estudar para um processo seletivo. Em compensação, escrevi bastante sobre o que vi, dos meninos do...
IgNobel 2016: as pesquisas mais improváveis do ano

IgNobel 2016: as pesquisas mais improváveis do ano

Existem pesquisas científicas que parecem engraçadas, dignas de cientistas malucos de desenhos animados. Botar calças em ratos, se coçar diante do espelho, fazer perguntas aos mentirosos (e acreditar nas respostas), observar e descrever o mundo de cabeça pra baixo....
Patentes Patéticas (nº. 136)

Patentes Patéticas (nº. 136)

Quando se fala de fast food, o que queremos dizer é “comida de preparo rápido” e não, de maneira mais literal, “comida veloz”, uma refeição que realmente corre. Quando falamos de rodízio, também não é exatamente o almoço ou o jantar que roda — são os garçons. Quando...

Um Anúncio Obscuro

Há quem reclame que os anúncios publicitários impressos de hoje são pobres em texto, supérfluos e muito dependentes da imagem. Os argumentos deram lugares a trocadilhos. Mesmo os anúncios classificados têm, por motivos diversos, um texto pobre. O amante de textos de...