Patentes Patéticas (nº. 153)

Patentes Patéticas (nº. 153)

“Uma pirueta, duas piruetas… Bravo, bravo!”, dizia a música circense dos Trapalhões. Acrobatas humanos fazendo “superpiruetas, ultrapiruetas” é relativamente fácil. Difícil mesmo é um animal de circo voando em “arquicambalhotas, hipercambalhotas”. Edward Wulff...

Crimes Animais: O caso Perrinot Muet

Em 5 de setembro de 1379, enquanto duas varas de porcos — uma pertencente à comuna e outra ao priorado de Saint-Marcel-le-Jeussey — se alimentavam juntas perto daquela vila, três porcas da vara comunal, excitadas e enraivecidas pelos guinchos de um dos porquinhos,...
“Anúncios Curiosos na Igreja”

“Anúncios Curiosos na Igreja”

Independente da religião, sempre há um momento bastante solene no culto, missa ou ritual. Pode ser um sermão ou pregação, uma oração ou a leitura da respectiva escritura sagrada. Por vezes, porém, essa solenidade toda pode ser perdida por motivos diversos. O Rev. R....
Os paradoxos das sinfonias silenciosas

Os paradoxos das sinfonias silenciosas

Um ouvinte mais desatento poderia dizer que perdeu quatro minutos e meio após ouvir 4’33”, de John Cage. Composta em 1952, essa pequena peça para piano é, sem dúvida, a composição mais silenciosa possível. Mas 4’33” não é a única “sinfonia de...

O Mistério de Bermagui

Em outubro de 1880, o geólogo australiano Lamont Young partiu num barco pesqueiro para investigar possíveis minas de ouro ao norte de Bermagui, um vilarejo no litoral sul de Nova Gales do Sul. Junto com Young — que fazia jus ao nome com seus 29 anos — iam o seu...
Patentes Patéticas (nº. 131)

Patentes Patéticas (nº. 131)

Há muita coisa errada no mundo e um inventor é alguém que sempre busca consertar, de maneira criativa, pelo menos algum destes milhões de problemas. De tampas de privadas levantadas a adoção de crianças. Isto mesmo, adoção de crianças. Todo mundo sabe que em muitos...