Não se engane: o Bóson de Higgs não é a “partícula de Deus”

Por causa do anúncio do Prêmio Nobel de hoje para os dois cientistas que propuseram a existência do Bóson de Higgs, finalmente descoberto no ano passado pelo CERN, você vai ver na mídia incontáveis vezes a expressão “Partícula de Deus”. A cada vez que um jornalista escreve isso, uma fada morre na terra do nunca.

Esqueça isso: NÃO HÁ PARTÍCULA DE DEUS.

God-Particle-e1341189390344

A menos, claro, que você seja religioso: nesse caso todas as partículas são “pertencentes” a Deus… 😉

A expressão em português é uma péssima tradução mal-feita da expressão em inglês: God Particle ou, numa tradução melhorzinha a “Partícula Deus”. E porque esse nome?

A expressão original foi usada em um livro sobre o Bóson de Higgs (A Partícula Deus: Se o Universo é a resposta, qual é a pergunta?) em 1993, onde o autor, Leon Lederman, escreve algo como: “o modelo padrão reduz o entendimento do Universo a um conjunto pequeno de partículas e interações. Mas ele é incompleto, e este Bóson de Higgs tem um papel tão central nessa teoria e, ainda assim, tem se mostrado tão difícil de se comprovar experimentalmente que pode-se apelidá-lo de Partícula-Deus” (tradução livre-livríssima).

Na prática, o autor ainda diz que gostaria de apelidar o Bóson de Higgs de “Goddamn Particle” ou “A partícula maldita” por toda a frustração e gastos que ela causou a gerações de cientistas em busca de si, mas foi convencido do contrário pelo editor do livro…

Então é isso: uma partícula fundamental para tudo o que os cientistas acreditam ser a “explicação do Universo” e ainda assim difícilima de se provar a existência experimentalmente, na qual se precisou ter fé ao longo de anos e anos até finalmente termos sido capazes de achá-la. Tem cara mesmo de partícula Deus… 😉

 

P.S.: Não, eu ainda não voltei de vez pro blog. Mas aos poucos… 😀

Nobel de Física 2013

Essa bola estava mais do que cantada… François Englert e Peter Higgs acabam de ser anunciados como vencedores do Prêmio Nobel de Física 2013. Se você estava em coma ano passado, talvez não saiba o que aconteceu: o CERN colocou em operação a maior máquina já construída pelo homem para testar as predições dos dois vencedores deste ano. E as confirmou! Esta é a razão do Prêmio deste ano.

Veja mais informações em: http://www.nobelprize.org (em inglês).

P.S.: Não, eu ainda não voltei de vez… Mas quase. 😉

Counter

wordpress stats

Counter 2

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM