1 tonelada de carbono por 15 dólares?

Este é o preço que as empresas da UE (União Européia) estão pagando agora em janeiro por cada tonelada de carbono extra emitida acima do teto de seu país de origem. A UE é de longe a maior bolsa de créditos de carbono do mundo, tendo negociado 5 bilhões de toneladas de carbono no último ano. Este preço por tonelada é o mais baixo da história e reflete de forma direta a baixa do preço de petróleo e gás no mercado internacional.


Preço por tonelada de carbono de CO2 equivalente (linha vermelha) e preço por barril de petróleo (linha azul). Fonte: Nature

Esta queda abrupta dos preços das chamadas “permissões” de emissão de gases de efeito estufa (do inglês, carbon allowance) deve-se a uma das regras fundamentais do mercado financeiro: diminuição da demanda gera diminuição do preço. Com a queda do preço do petróleo e gás no mercado internacional, as empresas que tem grande demanda de energia passaram a trocar a queima de carvão (muito importante na matriz energética européia) pela queima de gás natural, reduzindo a demanda por “permissões” de emissão.

Sendo assim, como todo mercado financeiro, abrimos uma brecha. Se você tem uma indústria de grande porte na Europa e não tem problema nenhum em usar uma tecnologia mais poluidora, a hora é essa! Aumente sua produção e compre “permissões” de emissão a preço de banana!

Hoje em dia os ambientalistas a grande mídia nos doutrina a diminuir nossa “pegada ecológica”. Temos que ser vegetarianos devido a emissão de metano por vacas, viajar menos de avião pois eles são vilões do clima, usar lâmpadas mais eficientes, etc. Tudo em busca de alguns quilos de carbono a menos. Enquanto as grandes empresas emitem 1 tonelada a mais de carbono por 15 dólares. Não quero dizer que todos devemos consumir mais e não pensar sobre a contribuição pessoal de cada um. Mas devemos sim atacar os pilares do problema, de maneira mais efetiva e rápida.

Para entender melhor como funciona o mercado de carbono e as regras da compra e venda de crédito de carbono, clique aqui.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Discussão - 1 comentário

  1. Francis David disse:

    Tinha conhecimento sobre o crédito de carbono, inclusive ACHO que o Brasil esta bem posicionado, mas não sabia que era esse “comercio” e que estava tão difundido, vou ler mais sobre o assunto.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM