O solo é a mãe de todas as coisas

Aproveitando esse período de constantes mudanças e a nova fase do Geófagos, resolvemos dar um toque mais feminino ao Geófagos. Com muito prazer anuncio que temos agora uma colaboradora, e de peso. É a Dra. Flávia A. de Alcântara, que resolveu aceitar meu convite para escrever no Geófagos, no que nos faz grande honra. Para não me alongar demais nas apresentações, o currículo da Flávia pode ser visto aqui. Seu primeiro post no Geófagos vem a seguir:
Por Flávia A. de Alcântara,
O solo é a mãe de todas as coisas
Quero começar este post dizendo “Ítalo, obrigada pelo convite!”. Tenho certeza de que essa parceria será duradoura e rica em idéias e ações. Lá vai meu primeiro post:
“O solo é a mãe de todas as coisas” é um provérbio chinês que significa muito para mim. Talvez por ter nascido no interior de Minas, cercada por terra por todos os lados; talvez por ter nascido numa família de gente nascida e criada na terra, no interior também; talvez por ter comido terra quando criança… sim, eu já comi terra e por isso posso me auto proclamar geófaga com todas as letras. Além de adorar brincar de fazer construções de terra, eu fazia bolinhos e os experimentava!
Reminiscências da origem e da infância à parte, nasci sabendo que o solo é a mãe de todas as coisas. Sabia intuitivamente. Hoje, depois de estudar a Ciência do Solo, sei com a aprovação (nem sempre necessária, diga-se de passagem) da razão. É do solo que vem nosso alimento, que por sua vez cresce alimentado pelos minerais da terra e fortificado pela sua essência orgânica. O solo é o ventre fértil que alimenta o mundo. Apesar de substantivo masculino, os sábios chineses da antiguidade o chamaram de mãe, pois é a mãe que sustenta em seu ventre a nova vida. Seja ele (ela?) princípio masculino ou feminino, o que importa é ser o princípio. Assim, neste meu primeiro post, a mensagem que eu gostaria de deixar é que é do solo que tudo nasce e se alimenta e que, por esse raciocínio, somos todos geófagos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Discussão - 3 comentários

  1. Flávia disse:

    Caros Manuel e Carlos,
    muito obrigada pelas boas vindas!
    Espero que esta seja uma parceria de longa duração!
    Abraços.

  2. Cara doutora Flávia,
    Seja bem vinda à comunidade Geofágica. Tenho certeza que a sua contribuição será de grande valia não só para nós, autores, mas também para os leitores do site.
    Boa sorte na nova empreitada.

  3. manuel disse:

    Caro Ítalo
    Como leitor assíduo,apresso-me a cumprimentar,com muito gosto,a Doutora Flávia. Que seja bem-vinda a este
    espaço-geófago.
    “O solo é a mãe de todas as coisas”. É. Da terra viemos,à terra regressaremos um dia.
    No que me diz respeito,analisei-a durante vários anos,e esburaquei-a por mais de dois.Apsar destas “maldades”,ela,a terra,um dia me tem de receber,quer ela queira, quer não. Sou,somos,a terra também,uns “prisioneiros”.
    Desculpe,Doutora,mas isto já é sinal do chamamento da terra,da terra-mãe.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM