boobie flask

Bom drinks!

Você é uma linda garota que procura manter-se sempre hidratada mas está cansada de carregar garrafinhas de água mineral ou de isotônico para cima e para baixo? Em vez da cabeça, mulher, use os peitos! Pelo menos esse é o conselho que Tracy B. Shailer lhe daria. Natural de Fort Lauderdale, Flórida, Shailer é a inventora do genial Brassiere Having Integrated Inflatable Bladders for the Holding of Comestible Liquids [Sutiã Equipado com Bolsas Infláveis e Integradas para Armazenamento de Líquidos Comestíveis], formado por

Copos de um sutiã que incluem bolsas flexíveis e integradas formadas por um material médico com suficiente resistência à fluidez para armazenar um líquido comestível. As bolsas podem incluir uma capa de tecido. Cada bolsa conta com uma entrada, para fins de enchimento e uma saída, para propósitos de consumo. Alternativamente, bolsas com uma geometria apropriada são preenchidas por um fabricante de líquidos comestíveis de modo que apenas a saída seja necessária. Em todas as formas, a saída comunica-se com um estreito canudo flexível com um perfil preferencialmente achatado e elíptico. A entrada da bolsa é tipicamente localizada numa área da bolsa mais próxima do eixo vertical do corpo, enquanto a saída é vantajosamente posicionada no ponto mais baixo da bolsa para ganhar o benefício integral da gravidade sobre o fluxo do fluido através do tubo de saída. Durante períodos de não utilização, [o tubo] pode ser escondido através de numerosos modos, como em torno da periferia do próprio copo do sutiã, sob o elástico do sutiã ou ao longo das costas da usuária, a qual pode usar um artigo de vestuário como uma blusa, um top ou biquíni que irá esconder tal tubo. Vários acessórios podem ser fornecidos para facilitar o enchimento das bolsas e o consumo de seus conteúdos.

Wonder-bra! Isso é que é dar um sentido completamente novo às taças de um sutiã! E como efeito colateral, a senhora (ou senhorita) ainda pode ter seus… hã… atributos peitorais facilmente turbinados. Entre as justificativas apresentadas na patente 6.241.575, Miss Shailer diz que, embora “o sutiã tenha existido, de uma maneira ou de outra, há séculos”, “todas as modificações ou aperfeiçoamentos do copo de um sutiã foram relacionadas ao melhoramento do conforto da usuária ou da aparência cosmeticamente desjável ou de ambos. Pacotes selados de géis não-comestíveis tem sido costurados em sutiãs para fins de conforto e aparência.” A patente foi aprovada em 5 de junho de 2001 e coincidentemente foi examinada por outra mulher, Gloria M. Hale. Portanto, não se pode dizer que é uma ideia machista.

Shailer ainda ressalta que há situações sociais nas quais pode ser simplesmente impróprio que alguém carregue um frasco para “líquidos comestíveis como água, suco, energético ou uma bebida alcoólica”. Além disso, em “eventos atléticos, o nível de atividade e excitação é frequentemente tal que é imprático manter ou usar um copo, contâiner ou frasco convencional”. E sim, para o público masculino, “o nível de atividade e excitação” também aumentaria com o uso dessas bolsas.

Embora o uso por atletas pareça o mais nobre, a inventora parece ver uma grande qualidade na capacidade de suas bolsas peitorais para “evitar a inconveniência e o potencial embaraçamento (no caso de bebida alcoólica) que seria de outro modo inevitável se alguém carregasse abertamente um contêiner, particularmente em vários ambientes socialmente sensíveis.” Isso mesmo, minha senhora, graças a Shailer é possível até mesmo beber em serviço!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...