US06983493-20060110-D00001

Quem nunca teve uma ideia genial em pleno banheiro? Não só debaixo do chuveiro mas também em cima da privada, em pleno uso do aparelho excretor. É bom lembrar ao Sr. Fidelix que aparelho excretor pode não reproduzir mas produz. Produz ideias excretáveis brilhantes como a Retractable Table Top for a Toilet [Mesinha Retrátil para uma Privada]:

Um dispositivo para prover uma superfície de trabalho de posição adjacente a uma privada e inclui uma mesa com superfícies superior e inferior substancialmente planares e uma pluralidade de pernas alongadas com extremidades opostas anexas a isso e engatáveis com a superfície do solo. Tal pluralidade de pernas é pivotalmente conectada à superfície inferior da mesa e é movível entre as posições dobrada e estendida. O dispositivo ainda inclui um membro de suporte tendo uma extremidade posterior que é fixável a uma parede adjacente à toalete e estende-se para fora dela [da parede]. O membro de suporte ainda tem uma porção frontal distanciada da extremidade traseira [não diga!] e está pivotalmente conectado à mesa de modo que a mesa pode ser seletivamente movida entre as posições acima e abaixo em relação à porção da extremidade frontal.

Certamente a ideia dessa mesinha latrinal deve ter sido concebida em algum banheiro de Glendale, Califórnia, por um cara chamado Rafik Shaumyan. A ideia chegou a ser analisada (sem trocadilhos) em Washington, nos sanitários do Escritório de Patentes dos Estados Unidos. O texto da patente, que parece ter sido redigido em uma dessas mesinhas, descreve a “Arte anterior” de maneira magistral. Reproduzimos os parágrafos do item 2 da seção “Fundamento da Invenção”:

O assento da privada pode ser mais corretamente chamado “o trono” se certas condições são providas além das simples funções de suporte e descarga. Um suprimento de papel higiênico precisa ser fornecido a uma locação ou locações conveniente(s), não uma locação marginalmente acessível. Um suprimento de material de leitura cuja seleção é geralmente bem-vinda e alguns cigarros, fósforos e cinzeiros são necessários. Alguns preferem preparar notas como listas de compras e estes vão precisar de lápis e papel e apoio para o bloco de notas.

Consequentemente, o uso de acessórios para privada é conhecido na arte anterior. Mais especificamente, acessórios de privada até agora concebidos e utilizados são conhecidos por consistir basicamente de configurações familiares, esperadas e óbvias, apesar da miríade de projetos encompassada pela multidão da arte anterior, a qual tem sido desenvolvida para a cobertura de incontáveis objetivos e requerimentos.

Por exemplo, privadas em banheiros públicos são convencionalmente apertadas e oferecem pouco ou nenhum espaço para armazenagem de itens pessoais como material de leitura e similares. Em muitas casas, os banheiros têm uma desvantagem similar.

Consequentemente, mantém-se uma necessidade para um acessório de privada que supere as limitações supracitadas.

Antropologia de banheiro à parte, o objetivo de Shaumyan é muito nobre e muito sério: “prover uma superfície de trabalho enquanto o usuário está sentado numa privada.” Claro, porque todo mundo sabe que as empresas perdem muita produtividade enquanto seus funcionários estão se aliviando de suas necessidades fisiológicas. Seria muito melhor, por exemplo, se aquele relatório de merda saísse junto com a própria merda. Muito mais produtivo! De quebra, aproveitar-se-iam aqueles gloriosos (e até então perdidos) momentos de inspiração profunda que surgem no “trono”.

Depois de ficar quase dois anos sentado em cima do pedido de patente de Shaumyan, o USPTO aprovou-o sob nº. 6.983.493 [pdf] há exatos nove anos, em 10 de janeiro de 2006. Não importa que alguém já tivesse registrado a mesma ideia quatro décadas antes, ainda que com uma finalidade um pouco menos produtiva.

Em 1963, John B. Oakland (de Biloxi, Mississipi) registrou uma patente para um “Dispositivo de suporte e descanso para uma privada”. Vide a patente nº. 3.090.051, que, de maneira muito mais realista, descreve a mesa dobrável anexa à privada como “especialmente desejável para inválidos ou pessoas que desejam um apoio para o braço e um descanso para o corpo”.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...