Barbearia em ilustração de Fred Barnard (1875). Barnard [1846-1896] foi um dos principais ilustradores da obra de Dickens.

Barbearia em ilustração de Fred Barnard (1875). Barnard [1846-1896] foi um dos principais ilustradores da obra de Dickens.

Dois Homens imploram a atenção do público em geral para o fato de que mantêm a mais limpa Barbearia de toda a Londres, onde as pessoas podem cortar o Cabelo por 2d. [= 2 pence], penteá-lo por 3d. e fazer a barba por 1d. Um destes Homens pode fazer sangrias e tirar dentes muito bem, com extremo cuidado, tanto pela maneira Inglesa quanto a Germânica, na loja como a domicílio. Sangrias, 3d. Tira-dentes, 4d. Há uma sala na barbearia com o propósito de realizar as sangrias e extrações dentárias. O povo merece ser servido imediatamente e muito bem em qualquer respeito. Sem satisfação, sem pagamento. A supra-mencionada Barbearia situa-se no n. 7, King Street, Seven Dials. — anúncio de uma edição de junho de 1776 do Daily Advertiser, reproduzido por Henry Sampson em A History of Advertising from the Earliest Times, Illlustrated by Anecdotes, Curious Specimens and Biographical Notes [Uma História dos Anúncios desde os Tempos mais Antigos, Ilustrada por Anedotas, Espécimes Curiosos e Notas Biográficas]. Londres: Chatto & Windus, 1874. pp. 227-8

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...