Psicologia Evolucionista – Edição Especial Psique

A edição Especial Psique Ciência & Vida sobre Psicologia Evolucionista saiu no final de 2007 pela editora Escala. “Um olhar sobre a Psicologia Evolucionista”, que ainda está nas bancas, e é nada mais nada menos que a primeira publicação nacional em divulgação científica sobre Psicologia Evolucionista feita por pesquisadores da área no Brasil.
A pretensão foi mostrar ao leitor interessado como as ações mais simples, atuais e corriqueiras, como escolher uma roupa, assistir TV ou mesmo prestar atenção em certas coisas em detrimento de outras, podem ser explicadas e estudadas pela Psicologia Evolucionista. E o resultado já está aparecendo desde no site do Projeto Milênio em Psicologia Evolucionista até em postagens na comunidade de Psicologia Evolucionista do orkut até elogios em blogs de ciência, como no Científica Mente.
O Especial é fruto de um empenho de divulgação inteiramente voluntário de graduandos em psicologia e pós-graduandos em Psicologia Experimental da USP em parceria com graduandos em psicologia e pós-graduandos em Psicobiologia da UFRN. Nas palavras editoriais: “Trabalhando com o rigor científico que caracteriza esta disciplina, há hoje um profícuo grupo de profissionais e estudantes, em diferentes centros geradores de saber no País, dedicados à pesquisa de temas tão centrais na definição do que seja ser humano [Se referindo ao Projeto do Milênio de Psicologia Evolucionista]. Alguns deles se dispuseram generosamente a compartilhar seus conhecimentos e descobertas nas páginas deste Especial da revista Psique e produziram textos ricos e esclarecedores sobre a aplicação da Psicologia Evolucionista nos mais diferentes contextos.”

O Especial conta com 8 textos escritos por pesquisadores especialistas (no qual estou incluído), dois retirados da Agência Notisa de Jornalismos Científico, uma lista com dicas de livros da área, uma lista com dicas de links importantes e um fechamento feito pela também especialista Doutora Cibele Biondo na Coordenação Técnica.

O texto introdutório intitulado “Uma longa história” pelos psicólogos Altay Alves de Souza e Leonardo Cosentino em conjunto com os biólogos José Henrique Ferreira e eu, Marco Varella, apresenta de forma simples as história dos antepassados da Psicologia Evolucionista e seus fundamentos teóricos e conceituais. Alem disso, apresenta também um histórico da pesquisa nacional na área graças ao Grupo de Trabalho de Psicologia Evolucionista na Associação Nacional de Pós-Graduação em Psicologia e ao Instituto do Milênio de Psicologia Evolucionista.
O segundo texto trata dos mal-entendidos. Em “A era dos mal-entendidos” Isabella Bertelli, estudante de psicologia e eu, Marco Varella, biólogo apresentamos a questão dos mal-entendidos mais comuns sobre da Psicologia Evolucionista. Como todo campo de ciência, a Psicologia Evolucionista sofre críticas e contestações. O propósito deste artigo é oferecer subsídios conceituais esclarecedores aos leitores para conseguirem diferenciar uma crítica fundamentada de críticas baseadas em interpretações equivocadas e preconceituosas, gerando problemas de entendimento.
O terceiro é sobre Neotenia, expresso no artigo “Que olhos grandes você tem!” da psicóloga Lia Viégas. Ela conta como as características neotênicas (infantilizadas) geram efeitos nas pessoas e como isso ocorre como resultado de um importante processo evolutivo que contribuiu na sobrevivência e reprodução do ancestral humano no passado e hoje garante a vinculação materna (e os afagos) dos nossos bebês.
O terceiro texto é sobre diferenças cerebrais entre homens e mulheres. É um texto extraído da Agência Notisa de Jornalismos Científico que aborda apenas a Neurociência e não faz muita ligação com a Psicologia Evolucionista. É sobre uma cardiologista que escreveu um livro sobre as diferenças cerebrais entre homens e mulheres “Porque os homens nunca lembram e as mulheres nunca esquecem”. Isso mostra como as agências de notícia vêm negligenciando a Psicologia Evolucionista e até confundindo com Neurociências.
O quarto texto é sobre heurísticas e tomadas de decisão. O artigo “Será que caso ou compro uma bicicleta?” dos psicólogos Altay Alves Lino de Souza e Álvaro da Costa Batista Guedes aborda um dos comportamentos mais prosaicos e importantes do ser humano: tomar decisões. Eles detalham quais são os mecanismos implícitos nos processos de julgamento e tomada de decisão, como eles poderiam ter ajudado nossos ancestrais a sobreviver e a reproduzir e como por meio deles, podemos cometer “erros” sistemáticos.
O quinto texto é sobre desejo por variedade sexual. É a reedição do meu texto sobre as primeiras pesquisas inter-culturais com relação ao desejo por diferentes parceiros sexuais ao longo na vida e as diferenças entre homens e mulheres. Este texto está postado numa versão melhorada aqui no MARCO EVOLUTIVO.
O sexto é sobre as visões evolucionistas sobre a depressão pós parto. Tema que tem vindo a tona não só no âmbito científico, mas também na comunidade como um todo. Sobretudo após as freqüentes notícias de bebês abandonados ou mesmo infanticídios. O artigo “Quando a dor é Mãe” das psicólogas Gabriela Andrade, Lia Viegas, Marina Cecchini e Emma Otta com a bióloga Renata Pereira de Felipe apresenta como a Psicologia Evolucionista pode contribuir nessa questão de saúde pública.
O sétimo é sobre a neurologia da homossexualidade. Mais uma vez a Psique por intermédio da Agência Notisa de Jornalismos Científico confunde Psicologia Evolucionista com Neurociência. O texto focado em como as preferências sexuais se instalam nas áreas cerebrais aborda também pesquisas genéticas sobre a homossexualidade.
O oitavo texto é sobre a seleção de parceiros amorosos. Em “Procura-se”, a psicóloga Luísa Spinelli e o biólogo Wallisen Hattori apresentam os fundamentos teóricos da Seleção Sexual e da Teoria do Investimento Parental. Além disso, eles apresentam os resultados empíricos de diferentes pesquisas sobre as preferências afetivo-emocionais para a escolha de parceiros e as diferenças entre homens e mulheres. Tudo indica que em matéria de sexo, Darwin explica!
O nono texto é sobre a amizade e a constituição de vínculos. Em “Uma mão lava a outra” o biólogo César Ornelas discute qual a importância das estratégias sociais como forma de obter sucesso e garantir a sobrevivência na comunidade. Neste ponto entra a questão do egoísmo e altruísmo e qual a importância de cada um para a sobrevivência do indivíduo e do grupo.
Na lista de livros constam: Tabula Rasa de Steven Pinker; Não há dois iguais: Natureza humana e individualidade de Judith Harris; The Evolution os Mind: fundamental questions and controversies de Steve Gangestad e Jeffry Simpson (eds.); Introducing Evolutionary Psychology de Dylan Evans e Oscar Zarate; Instinto Humano de Robert Winston; e O Pensamento de animais e intelectuais: evolução e epistemologia de Denis Werner.
Na lista de links constam o Center of Evolutionary Psychology, o The Human Behavior & Evolution Society, o The International Society or Human Ethology, O Instituto do Milênio, o Laboratório de Psicologia Comparativa e Etologia da USP, e a Sociedade Brasileira de Etologia. Todos esses links e outros se encontram na lista de links do MARCO EVOLUTIVO.
E no fechamento a Doutora Cibele Biondo faz um brilhante balanço dos textos publicados, da contribuição da visão biologicamente cultural da Psicologia Evolucionista para a Psicologia e Ciências Humanas bem como enquanto campo frutífero de pesquisa em plena expansão mundial e nacional.
No geral o grupo trabalhou muito, dentro do prazo editorial curtíssimo, e fez um ótimo e inédito trabalho de esclarecimento público, porém alguns erro editoriais apareceram, pois não tivemos acesso à versão editada pronta para a publicação. Os erros foram desde grandes atribuições errôneas de autoria a até pequenos detalhes dos textos principalmente nas legendas de figuras. Mas que no geral não desmerece todo o esforço e entusiasmo depositado nesta empreitada nova tanto para muitos autores quanto para a divulgação científica nacional.
Todos estão de parabéns pesquisadores, divulgadores e editores pelo magnífico presente aos leitores brasileiros. Boa Leitura!

MARCO EVOLUTIVO no programa Web Divã

Sexta passada, dia 07 de dezembro foi o dia da minha entrevista concedida ao programa Web Divã da rede de televisão pela internet Alltv.

A entrevista foi bem interessante, muito diversa quanto aos assuntos abordados e bem descontraida. O foco principal foi o texto sobre desejo por variedade sexual que eu escrevi para a revista PSIQUE Ciência & Vida, ano II nº 18. Tendo a conversa girado em torno da evolução da diferenças sexuais nas estratégias de acasalamento humanas. Além disso, esse blog foi citado, mostrado e elogiado durante o programa, o que mostra uma valorização da divulgação científica.

Gostei de ser entrevistado e graças à Isabella tenho gravado dois blocos da conversa que vou editar e disponibilizar aqui o mais breve possível para aqueles que perderam o programa ao vivo. Por enquanto apenas a apresentação está do tamanho permitido do blog.

Gostaria de agradecer à Renata Antonelli e à sua produtora Maria Helena pelo convite e pela simpatia. E um super agradecimento muito especial pra Isabella Bertelli pela força, carinho e pelas filmagens.

Assista ao programa ao vivo na Alltv sobre Desejo por Variedade Sexual

Caros leitores é com satisfação que comunico que participerei sexta feira dia 07/12 às 20h ao vivo do programa WEB DIVÃ da TV pela internet Alltv – www.alltv.com.br/.

A AllTV é empresa pioneira de TV da Internet, ganhadora do Prêmio Esso de Jornalismo, como o melhor site de notícias (2005), do Prêmio da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje), pela convergência de mídias (2002/2006) e Top Comm Award, no segmento IPTV, pelos Mistérios de Comunicações e de Ciência e Tecnologia (2006).

“Web Divã” vai ao ar das 20 h às 21 horas, todas as sexta-feiras. O programa, apresentado pela psicóloga Renata Antonelli, aborda em psicologia todos os temas ligados a nossa subjetividade. O programa conta com a possibilidade interetiva de um chat ao vivo que permite que a conversa seja expandida às curiosidade dos que estiverem assitindo.

Renata Antonelli leu o texto original do “Multiplos parceiros – Desejo por variedade sexual” na revista PSIQUE, se interessou pelo tema e me convidou.

Será minha primeira participação nesse tipo de mídia buscando divulgar um pouco os estudos em Psicologia Evolucionista, mais especificamente os ligados à Seleção Sexual. Conto com sua participação.

Abraços

Marco Varella

Arquivos

Categorias

.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM