Mulheres na Ciência 2 – Luisa Villa

No começo da semana comemoramos o Dia Internacional da Mulher. Para comemorar a data, resolvi tentar escrever um pouco sobre o trabalho de mulheres que dedicam sua vida à construir as Ciências e à desenvolver as tecnologias que nos ajudam a compreender melhor o mundo.
Hoje escolhi falar sobre uma doença sexualmente transmissível que poucas pessoas conhecem bem e os estudos encabeçados pela professora Luisa Villa que resultaram em uma vacina para mulheres que previne a doença.
O vírus HPV (Human papillomavirus) é transmitido por contato sexual e pode ser prevenido com o uso da camisinha. HPV é na realidade o nome dado a uma família formada por mais de uma centenas de vírus diferentes. Entre os sintomas relacionados à infecção pelos vírus estão lesões de pele e de mucosa, verrugas na região genital, condiloma acuminado (popularmente conhecido como crista de galo) e alguns tipos de câncer em homens e mulheres.
O câncer do colo de útero, por exemplo, é um tipo de câncer largamente associado à infecção por HPV em mulheres. As notícias são alarmantes: acredita-se que cerca de 70% das mulheres sexualmente ativas deverão contrarir HPV em algum momento de sua vida. O sistema imunitário da maioria destas mulheres será responsável por livrá-las dele. Entretanto, estima-se todos os anos, cerca de 40 mil mulheres brasileiras contraiam o câncer do colo do útero.
A professora Luisa Villa, do Instituto Ludwig, é especialista em infecções por HPV. É uma das criadoras e líderes de uma das maiores pesquisas realizadas com mulheres infectadas pelo vírus e seus estudos possibilitaram avanços significativos em busca da prevenção da doença através do design e desenvolvimento de uma vacina contra HPV.
Seus estudos agora se concentram nas infecções em homens e como se dá o desenvolvimento de alguns tipos de vírus neles. Sabendo como a infecção se comporta, é possível desenhar novas drogas e desenvolver novas terapias.
Mas não se esqueça! Se você é mulher, mantenha em dia sua visita ao ginecologista e exija o exame Papanicolau, que é capaz de identificar a infecção pelo HPV e deve ser fornecido gratuitamente pelo SUS. Se você é homem, consulte um urologista caso apareça qualquer verruga ou lesão nos órgãos genitais. O diagnóstico precoce feito por um profissional da saúde especializado pode prevenir maiores problemas de saúde.
Previna-se! Use camisinha!
______________________________________________________________
Saiba mais sobre o trabalho desenvolvido pela professora Luisa Villa e seus últimos artigos publicados aqui (em inglês). Na barra da esquerda clique em “Research groups” e depois em “Virology”.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Discussão - 2 comentários

  1. Muito bom Maria!
    Obrigada!

  2. maria disse:

    mais sobre o trabalho da luisa villa com vacina em homens aqui: http://revistapesquisa.fapesp.br/?art=3803&bd=1&pg=1&lg=

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM