Ciência e sua Importância

A ciência pode ser entendida como o empreendimento humano de descrever, compreender, explicar e predizer os fenômenos, assim como as relações existentes entre as características desses fenômenos, fazendo uso do empirismo, do ceticismo, do método científico e da tecnologia.

A conceituação de ciência é muito mais problemática e  complexa do que o que coloquei aqui, mas não é minha intenção fazer uma revisão histórico-teórica sobre o conceito, e sim apenas apresentar algo mais genérico que me permita seguir na linha de raciocínio. Para uma revisão interessante e bem feita, recomendo o texto “desse” blog.

As limitações e potenciaildades da ciência são discutidas calorosamente no mundo todo: alguns se focam em reconhecer os avanços e a condição humana superior que alcançamos hoje em relação aos nossos ancestrais como nosso conforto, saúde, comodidade, conhecimento, tecnologia, entretenimento e relativa estabilidade em comparação com o passado, advinda dos avanços nessas áreas; outros se preocupam mais com as limitações da ciência, com o fato dela não ter conseguido resolver todos os problemas do mundo, de mudar de opnião o tempo todo, de ter criado a bomba atômica e de tentar alcançar uma neutralidade inalcançável.

Desde que os primeiros seres humanos surgiram na terra, cerca de 150.000 anos atrás,  a ciência formal se instituiu apenas nos últimos séculos da nossa existência, ganhando reconhecimento da sociedade e apoio do estado mais recentemente ainda. Portanto, a ciência não teve  tempo e nem meios (até os últimos séculos) de responder a todas as perguntas ou resolver todos os problemas, até porque tentar responder a uma pergunta invariavelmente nos levou a novas perguntas, e o mesmo serve para os problemas.

Os cientistas mudam de opnião o tempo todo porque não trabalham com certezas a princípio – o seu trabalho só é possível através da dúvida e da incerteza. Se novas evidências são encontradas que contradigam as idéias que se tinham de algum fenômeno, os cientistas podem mudar seu posicionamento. A atividade científica se baseia no uso de idéias que expliquem os fenômenos da forma mais satisfatória possível.

Se um cientista formula uma explicação melhor ou obtém evidências de que a explicação predominante estava errada, as idéias precisam ser mudadas. Mas isso não quer dizer que os cientistas nunca chegam a uma conclusão sobre as coisas – sabemos, por exemplo, que a terra não está no centro do universo e que o sol é bem maior que a terra.

Não foram os cientistas que quiseram explodir a bomba atômica, mas sim políticos, apesar de que a responsabilidade ética de conduzir uma pesquisa que obviamente poderia resultar em uma arma de destruição em massa não pode ser retirada deles. Avanços tecnológicos podem ser usados para o bem ou para o mal, e o fato de um grupo de cientistas terem desenvolvido uma bomba não faz todas outras conquistas benéficas que outros cientistas produziram se tornarem inválidas.

A neutralidade faz parte de um grupo comum de mal entendidos, visto que quando cientistas buscam ter o máximo de cuidados e precauções ao fazer um experimento isso não significa que eles acreditam que estão livres de viéses, influências desconhecidas e erros durante o processo investigativo.

Compreensões errôneas sobre a ciência são muito comuns e é preciso desmistificar o que se faz, pensa e conclui dentro de um contexto científico. Espero que esse blog consiga cumprir em certo grau com essa demanda, visto que atualmente nossa sociedade tem grandes vínculos com a ciência, e se as pessoas não compreendem corretamente o que é fazer ciência podem deixar de dar importância e apoiar algo que elas gostariam de apoiar se conhecessem melhor.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Discussão - 3 comentários

  1. muito bom

    gostei bastante

  2. Francisco Alves de Oliveira disse:

    Muito bom e de grande utilidades para todos que buscam informações

  3. fernando guedes disse:

    sera que você pode me responder?
    para a ciência, qual a importância de entender o passado ?

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM