Ideologia política (vídeo)

198_thumb_ideologia

Uma ideologia política pode te ajudar a entender a sociedade em que vive e a pensar em como ela deveria funcionar. Hoje falaremos um pouco sobre o que nos leva a desenvolver ideologias políticas. Você pode ver o vídeo de hoje abaixo ou clicando aqui.

Referências recomendadas

Os links a seguir trazem os estudos que mencionamos no vídeo e muitos outros materiais relevantes sobre ideologia política: link, link, link, linklink, link, link, linklink, link, link, linklink, link, link, link.

Crenças persistentes e bolhas sociais (vídeo)

195_thumb_crenças

Suas crenças captam o que você entende da realidade, mas esse processo está longe de ser perfeito. Mesmo com imprecisões, crenças tendem a ser resistentes à mudanças e facilmente fortalecidas por informações concordantes. Por conta disso, a internet oferece ameaças às nossas mentes e relações. Você pode ver o vídeo de hoje abaixo ou clicando aqui.

Referências recomendadas

Mais uma vez citarei como principal referência o manual de psicologia social de Aronson, Wilson e Akert (8a edição). O foco deles é descrever o que são crenças e a perseverança da crença. Em outros trabalhos que linkaremos aqui, várias ponderações são feitas sobre como a internet tem enviesado o processamento de informações sociais por meio de bolhas e potencializado a perseverança de crenças. Vejam os seguintes materiais: link, link, link, link, link, link, link, linklink, link, link, linklink, link, link, linklink, link, link, linklink, link.

O que você prefere: Mentiras ou verdades? (vídeo)

159_thumb_mentira_verdade

Na nova ferramenta do Youtube, a aba Comunidade, perguntamos que tema vocês queriam que a gente abordasse até o fim do ano. No vídeo de hoje, falaremos um pouco sobre o porquê às vezes podemos nos apegar tanto a certas crenças mesmo que elas estejam incorretas. Você pode ver o vídeo de hoje abaixo ou clicando aqui.

Referências recomendadas

As principais referências para o vídeo de hoje vêm de vídeos anteriores nosssos sobre raciocínio motivado, viés de confirmação e autoestima (estes vídeos estão nos cartões do vídeo de hoje). Aqui vão alguns outros links para o vídeo de hoje: link, link, link, link, link, link, link.

 

Porque as Pessoas Acreditam em Seres Invisíveis?

Fonte: Psychology Today

Autor: Stephen Law

Tradução: André Rabelo

 

Por que, por exemplo, a crença no invisível ou em agentes sobrenaturais – como fantasmas, anjos, antepassados mortos e deuses – é tão difundida? A crença nesse tipo de agentes sobrenaturais parece ser uma característica quase universal das sociedades humanas.

Existem evidências de que uma predisposição em relação a crenças deste tipo pode realmente ser inata – parte da nossa natureza, herança evolutiva. O psicólogo de Oxford Justin Barrett sugeriu que a prevalência de crenças deste tipo pode ser em parte explicada pelo fato de possuirmos um Dispositivo Hipersensível de Detecção de Agente, ou H.A.D.D. (Hyper-sensitive Agent Detection Device).

Seres humanos explicam aspectos do mundo a sua volta de duas formas diferentes. Por exemplo, às vezes recorremos a causas naturais ou a leis para explicarmos um evento. Por que essa maçã caiu da árvore? Porque o vento assoprou e balançou o galho, causando a queda da maçã. Por que a água congelou nos canos na última noite? Porque a temperatura da água caiu para abaixo de zero, e é uma lei que a água congela abaixo de zero.

Entretanto, também explicamos recorrendo a agentes – seres que agem com base em suas crenças e desejos de uma forma mais ou menos racional. Por que a maçã caiu da árvore? Porque Ted queria comê-la, acreditou que balançar a árvore faria ela cair e então balançou a árvore. Por que as chaves do carro de Mary estão sob a lareira? Porque ela quis se lembrar de não esquecer elas, e então as colocou aonde ela pensou que iria enxergá-las. Continue lendo…

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM