Mais sobre fragmentação e Mata Atlântica

Só agregando mais informações interessantes à matéria que escrevi para a revista Pesquisa Fapesp sobre a diversidade de animais em habitats fragmentados.
O modelo que Renata Pardini e seus colegas da USP criaram para explicar a diversidade de pequenos mamíferos nas paisagen fragmentada de Mata Atlântica tem sérias implicações para o Pacto Pela Restauração da Mata Atlântica, um grande esforço do governo e ONGs que pretende dobrar a cobertura da Mata Atlântica até 2050. Para saber mais sobre o Pacto e a situação atual das florestas brasileiras, recomendo vocês lerem a reportagem de Isis Diniz na edição de maio da Scientific American Brasil. 
Um dos ingredientes-chave do modelo é levar em consideração a capacidade de locomoção dos animais, que nem sempre é a que imaginamos. A maioria das pessoas acha que as aves, por serem capazes de voar, não tem limites para se locomover. Mas nem sempre é o caso. Às vezes uma simples estrada é um obstáculo intransponível, como um grupo de pesquisadores da Unesp verificou, reporta Luiz Cristino na edição de maio da Unesp Ciência.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Discussão - 1 comentário

  1. maria disse:

    Obrigada pelas dicas, vou ler tudo!

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM