Forno elétrico ou a gás? Eis a questão

forno.pngEste texto faz parte daquela série sobre sustentabilidade-decoração-residência citada no post anterior. Toda vez, antes de adquirir algo para casa, reflito sobre qual seria a opção que agrediria menos o meio ambiente. A dúvida cruel que me tira o sono no momento é: compro um forno elétrico ou a gás (de embutir)? Pense comigo.
O primeiro utiliza a energia proveniente, no Brasil, de hidrelétricas (maioria das fontes). Isto é, renovável. O seguinte usa um recurso limitado. No entanto, me disseram que, neste caso, é mais dispendioso para o meio ambiente e à economia do país usar energia elétrica para gerar calor (?).
Não encontrei nenhum site de confiança que desse uma resposta. Se quiser participar comigo desta discussão, melhor se puder ajudar a resolvê-la, fique à vontade nos comentários. A mestre-cuca, aqui, agradece com um bolinho quentinho.
Dica: Pesquisando na internet sobre o assunto, encontrei no site da Bebel um artigo sobre fogões – e não fornos. Nele, ela diz que alguns modelos de fogões elétricos gastam cerca de 40% mais energia que os fogões a gás. E que os fornos mais econômicos são os micro-ondas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Discussão - 29 comentários

  1. Fernanda disse:

    Gente….para resumir…o que é mais viável em termos de economia de bolso…o forno a gás ou elétrico???

  2. Jailton disse:

    Depois de ler todos os comentários ainda estou com dúvidas. Muita gente se perdeu, falou besteiras (H2O é um gás poderoso que causa o efeito estufa ? kkkkkkk)……
    A minha dúvida na verdade é o custo da utilização. Me desculpem os ambientalistas, mas estou procurando uma maior economia para meu bolso, e, com exceção de Leandro Carvalho de Teixeira ninguém mais tocou nesse assunto: sai mais barato utilizar o forno elétrico ou á gás ? o Leandro está correto ? é isso mesmo ? Me ajudem a decidir !

  3. Michelle disse:

    Boa noite,quero comprar forno embutir so acho 220v tanto a gas como eletrico,qual a diferença,posso usar 220v para 110v?existe forno eletrico com saida a gas? aguardo resposta.

  4. Viviane Miranda disse:

    O forno eletrico é mais economico ,pois tem o sistema de poder cozinhar tres tipos de pratos ao mesmo tempo sem misturar cheiro e gosto.O forno eletrico tem o tempo de cozimento,apos pre aquecido , pela metade do tempo do forno a gas.O forno eletrico é mais saudavel porque não tem a combustão diretamente nos alimentos.O forno eletrico é muito melhor de trabalhar ,pois usa um seletor proprio para cada tipo de cozimento.Não se pode assar uma carne grossa e fazer um bolo com o mesmo sistema diferenciando apenas a temperatura! Concordam? Para quem gosta de cozinhar e quer o ponto certo dos pratos, o ideal é o forno eletrico. Claro que para as pessoas que possuem o gás incluso no condominio é mais vantagem ter um forno a gas ,mas do contrario,não.

  5. Nicola disse:

    Caro Maurício(comentário de 20/nov/2012): No site da Unicamp por você citado, a tese de doutorado dos ilustres colegas que assinam a matéria tem erros crassos, portanto não confiáveis, veja: -“Percebemos que o custo do uso do
    microondas é maior, porém seu tempo de
    funcionamento é menor. Desta relação, sai que,
    em geral, o gasto do forno convencional
    compensa o custo unitário maior da energia
    elétrica” Ora, além de mal redigida a sentença compara instrumentos de características totalmente diferentes já que o microondas “cozinha” e não “assa”. Ou,…cuidado, e, não me venha falar que o seu microondas assa porque tem grill, p.favor. Enfim, para assar, o forno elétrico é mais econômico do que o à gás. Use os dois e compare-os.

  6. Nicola disse:

    Fiquei incomodado com alguns comentários comparativos sobre o consumo de fornos domésticos à gás e elétricos e sem entrar pela prosa acadêmica de trabalho/consumo/potência/tensão(salve, salve, engenheiros) gostaria de informar que um forno elétrico, para o mesmo trabalho, é muito, mas muito mesmo, mais econômico do que o seu rival à gás de cozinha. Trabalho com os dois há muito tempo e já fiz todo tipo de comparação. É surpreendente!

  7. George Billy disse:

    Galera, desculpe meu atrevimento mas respondendo a pergunta de inúmeros do porque os fornos elétricos serem 220V, é que segundo a lei de ohm, quanto maior a tensão menor a corrente, exemplo, em casa temos 110V e 220V (chuveiros), certa vez eu estava tomando banho e meu pai acabara de comprar uma churrasqueira eletrica 110V e já foi ligando-a… Primeiramente caiu o disjuntor…. Logo após eu terminar o banho ele continuou com a churrasqueira e o fio dela estava quase derretendo. A solução foi ir para jundiai-SP onde TUDO É 220V e comprar uma churrasqueira por lá, sendo que aqui em campinas foi impossível encontrar. Se continuasse com a churrasqueira em 110V teríamos que trocar toda a instalação eletrica de uma tomada, aumentar o valor de disjuntores!
    Resumindo, o mesmo produto que consumir 30 amperes em 110V, consumira 15 Amperes em 220V. As empresas utilizam 220V para evitar esses tipos de problemas com a instalação eletrica. Tentem vocês comprar um ar condicionado tipo split 110V!!!!

  8. MAURICIO disse:

    TOMANDO COMO BASE O ARTIGO CIENTÍFICO DA UNICAMP, PUBLICADO NO SITE http://sistemas.ib.unicamp.br/be310/index.php/be310/article/viewFile/194/143, EU REFIS OS CÁLCULOS AUMENTANDO A POTÊNCIA PARA 2.200W (POTÊNCIA MÉDIA DE UM FORNO ELÉTRICO) E CONSIDERANDO O MESMO TEMPO DE COZIMENTO DE UM FORNO A GÁS. E CHEGUEI À TRISTE CONCLUSÃO DE QUE O FORNO ELÉTRICO E PRATICAMENTE DUAS VEZES MAIS DISPENDIOSO QUE O FORNO A GÁS.

  9. kelly disse:

    Li várias informaçoes úteis aqui, mas ninguém está especificando qual dos fornos assa melhor. Li em um site que o forno elétrico, por ser mais fácil de controlar a temperatura e ser mais homogêneo, é ideal para fazer bolos e tortas. E, o a gás, assa melhor o pernil, o frango inteiro, entre outras carnes grandes.

  10. Regina disse:

    Gente!!!! Gostei destes debates. Estou renovando minha cozinha e já de ante-mao tinha decidido pelo forno a gas, mas tenho me deparado com a questão levantada pelo Eduardo. Pelo menos nas marcas que conheço só encontro forno de 220v e a voltagem de nosso ES é 120v. Nao dá para entender este mercado!

  11. noemi martins disse:

    qual forno eletrico é o melhor no momento

  12. João Paulo disse:

    Gente… optei pelo forno a gas, o meu chuveiro nao é eletrico nem a gas pois utilizei uma tecnologia de aquecimento da agua termodinamica… maravilha pura… 24 horas de agua quente durante o dia, noite, dias de chuva, inverno e geada… olha que eu moro em Curitiba e quem conhece sabe como é frio por aqui… com este sistema não preciso das placas solares, nem do apoio a gas, o que obtenho excelente economia a um custo de manutenção ZERO. Como eu coloquei as caixas d’agua 1metro acima da ultima laje, nao precisei colocar o pressurizador da agua o que tambem me garante a economia que preciso, pois o pressurizador tem funcionamento eletrico e liga sempre que abro a torneira… Fica a dica para quem estiver construindo…

  13. Eduardo disse:

    Bom dia a todos
    Gostaria de saber como podem fazer um forno de embutir a gás com grill e este só de 220V.
    O Gril é para gratinar para que uma resistência maior que 800 w?
    O forno quando em uso é para gastar o gás e não para ser usado com eletricidade.
    Em Minas como em varias residências no Brasil tem tensão de 110V.
    Se pensar em forno elétrico justificaria, porém fica ainda limitado a algumas residências.
    Uma comparação simples um fogão de embutir e feito em 110v e com grill. Tem uns fabricante que faz cooktop de 220V, tem cabimento sendo que poderia faze-lo 110/220v, quanto lares ele esta deixando de atender e se cada um comprar esse cooktop mais fornos a gas de 110 v para vender olha ai mais pessoas comprando. A classe C esta louca para consumir inovar a casa e els ainda pesam que vender para classe A e B vai resolver o questão de lucro deles …….
    Me responde essa questão tão simples.
    Poderia me dar um explicação disso pois eu como muito outros não vamos comprar esse tipo de forno ainda mais além dos R$ 1000,00.

  14. Meu Deus, quanto desperdício de tempo, quanta balela, quantos estudantes primários disfarçados de físicos e quantos poetas arriscando-se no mundo das ciências exatas. Tirando o louvável demonstrativo prático postado pelo “Leandro Carvalho Teixeira”, o resto não faz falta alguma.

  15. blog maluco, leitores idem disse:

    Ah, só corrigindo meu comentário:
    O (ou seria “a”) carlosa alberto está parcialmente correto.
    Um forno a gás produz CO mas em quantidades muito pequenas e que normalmente não fazem mal à saúde das pessoas.

    Um forno a gás velho ou com defeito ou em péssimo estado de conservação pode produzir CO em quantidades grandes e se na cozinha não tiver uma boa exaustão esse gás pode causar danos à saúde após algum tempo (o processo de intoxicação é cumulativo).

  16. blog maluco, leitores idem disse:

    de tudo isso, o único que colocou algo de útil aqui foi o Renato Santoro.
    o resto (incluindo eu) só perdeu seu tempo aqui com bobagens, exceto o (ou seria “a”) carlosa alberto, que está certo no que diz, mas não postou nada de útil.

  17. Renato Santoro disse:

    Bom, eu adoro cozinhar e sei que o forno elétrico é mais facil de controlar, a temperatura fica mais constante, etc.
    pelo que o amigo calculou, tbm fica mais econômico.
    mas gostaria de levantar uma questão:

    Se faltar energia, como vai ser assado o pão de queijo?

  18. Bem verdade que o Mauro Rebelo disse, pois os cálculos de termodinâmica ajudam a realizar esse processo de valorização ambiental, que é inclusive tema da área de ciência chamada Engenharia Ecológica.
    Deve ser avaliado desde da fonte de energia, os processos envolvidos e o resultado final, de todos os materiais utilizados para produzir o bem, para se ter um valor melhor de qual opção é mais ecologicamente correta, fogao a gás ou elétrico. Achei que o Leandro Teixeira fez um cálculo bem simples e objetivo, mostrando uma maior viabilidade do fogão elétrico. Na minha humilde opinião, o fogão elétrico, para quem tem condição financeira, é melhor opção, pois quando avaliado os riscos em se ter um fogao à gás, questao de engenharia e arquitetura, etc… me parece que o fogao elétrico é melhor. Um assunto desse dá uma monografia legal ;)

  19. Leandro Carvalho Teixeira disse:

    Loucura os comentários desse site hein?!!
    A faculdade tá fazendo mal à cabeça desse povo!!
    O comentário do Mauro pra justificar sua decisão foi apavorantemente maluco. O convencimento da Ísis a partir desse comentário, foi mais maluco ainda. E a dona do blog, com uma conversa feminista alienante, querendo se reproduzir sem um macho, e se achando superior por isso… sem palavras… Que caos está esse dito meio universitário e científico!!!!

  20. Leandro Carvalho Teixeira disse:

    Fiz um cálculo rápido aqui. Pegando no site do inmetro o consumo de um forno de um fogão dos mais econômicos.
    Consumo do forno: 0,102 Kg/h de GLP
    Preço do gás aqui em BH: R$47 por 13Kg => R$3,61/Kg
    Tempo p/ assar pão de queijo: 20 min = 0,333h
    Consumo em Kg p/ assar pão de queijo: 0,034 Kg de GLP
    Preço da fornada: R$ 0,442

    Agora comparando com um forno elétrico dos maiores, de 1500W (existem uns pequenos que consomem bem menos, tipo 600W).
    Preço do KWh aqui em BH R$0,65 com impostos
    Tempo estimado para assar o pão de queijo: 20 min = 0,333h
    Consumo em KWh p/ assar o pão de queijo = 0,466 KWh
    Preço da fornada = R$ 0,303

    Se o forno for dos pequenos, então a fornada sai a R$ 0,13.

    Ou seja, o forno elétrico seria bem mais econômico.

  21. luciene mendes disse:

    Boa tarde, estou com uma duvida, quero comprar um forno mais não sei qual comprar o a gás ou eletrico, vc poderia me informa qual dele o é melhor?

  22. antonio pedro da rocha disse:

    vou abrir uma padaria e pergunto, o que é mais econômico, o forno elétrico ou o a gas?

  23. carlosa alberto disse:

    Amigos, H2O é água. Gás de H2O é vapor d’água que irá para o céu virar núvem de vapor e voltará em forma de chuva de “água”, essencial para a vida. H2O não é só gás. Ela é encontrada na natureza em estado líquido em rios, lagoas, mares e oceanos. Portanto não falem bobagens antes de pesquisar. H2O não produz efeito estufa.
    Outra: gás de cozinha chamado GLP é o gás butano que não tem cheiro, não tem gosto, não é nocivo, não envenena a comida, não incrusta nos alimentos e não faz mal a saúde. Esse odor ou sabor diferente no alimento preparado pelo amigo anterior deve vir do mal preparo ou deterioração dos ingrediente usados. O resíduo da queima do GLP é o CO2, ou seja, dióxido de carbono, ou melhor gás carbônico, aquilo que sai de seu nariz na expiração e tem nos líquidos dos refrigerantes. É inofensível para saúde, contudo contribui para aumentar o efeito estufa.
    Quanto ao cheiro horrível do gás de cozinha GLP, ele não vem do gás inflamável que é o butano. Ele vem de um aditivo acrescentado unicamente para facilitar a detecção em caso de vazamentos, já que o próprio gás não tem cheiro e não tem cor. E queima normalmente junto com o gás butano e não produz qualquer efeito nocivo posterior.

  24. Cristiano disse:

    Então, estou no passo de escolher qual forno usar. A escolha imediata que fiz foi pelo Gás – motivo simples: o Gás é mais barato que a Energia Elétrica. Mas, ao pesquisar o assunto descobri que o forno que usa Gás é bem menos eficiente que o forno que usa energia elétrica. Com isso, o barato, sai caro. Unitariamente a energia elétrica é mais cara, mas para fazer o mesmo prato, gasto mais Gás que energia. Isso ocorre não por características dos produtos, mas sim por seus combustíveis. No custo da conta, eles vão se equiparar, então, optei pelo mais eficiente. E, é claro, se não existisse essa diferença, a Energia Elétrica é renovável!

  25. Caroline disse:

    Amigos, e quanto ao mal que o gás faz a nossa saúde? Que se incrusta nos alimentos?
    Estou na duvida sobre qual comprar, pois de 1 lado o elétrico que não faz mal a saúde porém gasta-se mais energia, e do outro lado o a gás que gasta-se energia mais econômica, porém faz mal a saúde.
    O que acham?

  26. vanessa disse:

    obrigada, me ajudou muito também.

  27. Isis Nóbile Diniz disse:

    Osame e Mauro, obrigada! Mauro, foi exatamente essa explicação que tentaram me dar, mas estava incompleta. Vocês me convenceram, vou optar por forno a gás e chuveiro idem. Um beijo!

  28. Isis,
    Acho que em termos termodinamicos, o gas (Butano) é mais eficiente. Por outro lado, sua queima produz CO2 e H2O, dois poderosos gases de estufa, veja aqui:
    http://en.wikipedia.org/wiki/Butane
    Imagino que o forno a lenha seja mais antiecologico ainda (os povos da floresta usam forno a lenha?)
    Assim, se vc comer uma pizza a menos por mes, acho que isso compensa qualquer emissao do seu forno eletrico ou a gas (eu usaria gas, por que o problema nao eh apenas economizar recursos nao renovaveis, mas sim evitar a producao de entropia (que é maior com o forno eletrico…)

  29. Mauro Rebelo disse:

    Ísis, eu não sou especialista, mas já me deparei com questão parecida: chuveiro elétrico ou a gás? Minha decisão foi prática: ‘o banho com chuveiro a gás é bem melhor que o elétrico’, mas depois encontrei uma explicação lógica e razoável (baseada nos fundamentos de termodinâmica que eu tenho) para suportá-la. Bom, uma explicação a posteriori não é exatamente o que o método científico nos sugere, mas se tiver sua licença para gastar algumas palavras e a licença poética dos físicos para flexibilizar alguns conceitos de termodinâmica, o que eu pensei foi o seguinte: podemos dizer que em uma escala de ‘qualidade de energia’ a energia elétrica está entre aquelas com mais alta qualidade, porque tem grande potencial para realizar trabalho, e virar muitas outras coisas – filme na televisão, música no rádio, luz na sala e até mesmo calor, como no secador de cabelo. Só que o calor estaria do outro lado dessa escala, como e energia de mais baixa qualidade, porque ela não pode virar mais nada, a não ser calor, devido a sua baixa capacidade de realizar trabalho. Assim, independente de qualquer coisa, me parece um contrasenso usar uma energia de alta qualidade para fazer algo que uma energia de menor qualidade pode fazer. É verdade que esse meu raciocínio tem muitos buracos: eu deveria comparar a qualidade da energia elétrica, no caso específico do problema que vc colocou, com a energia química do gás (ou do carvão, ou da madeira), que não é de baixa qualidade. No entanto, enquanto não inventarem um computador ou uma TV movidos a ATP, e enquanto o nosso backup de energia forem termoelétricas na Amazônia (que geram calor, para gerar eletricidade, que depois é utilizada para gerar calor), eu acho que continuarei com forno e chuveiro a gás. Bj

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM