Arquivo da tag: energia elétrica

Brasil pode ter maior parque eólico da América do Sul

O Brasil é o país com maior potencial para a energia eólica no mundo. Isso porque aqui temos ventos constantes em velocidade e em direção a maior parte do ano. Mas o país ainda está em oitavo lugar no que diz respeito à capacidade instalada de produção de energia eólica. Ou seja, no quanto podemos gerar de energia. Agora, parece que nosso potencial será mais utilizado. A energética italiana Enel iniciou a construção do que será o maior parque eólico da América do Sul. O projeto fica no sul do Piauí, terá 230 turbinas e custará quase 3 bilhões de reais. Se tudo der certo, o parque entra em operação daqui a dois anos. Hoje, cerca de 80% da energia elétrica que abastece nossa residência ou nosso trabalho é proveniente dessas fontes renováveis como principalmente hidrelétrica. Isso para quem faz parte do Sistema Interligado Nacional, aqueles dos fios de alta tensão. De certa maneira, toda geração de energia tem impacto ambiental e social. Mas é muito mais poético e ambientalmente correto optar por energias que usam forças da natureza como o vento e o raios solares do que as térmicas, por exemplo, que produzem por meio da queima de combustíveis fósseis.

*Este texto foi ao ar no programa Desperta, da Rádio Transamérica, apresentando pelos queridos Carlos Garcia e Irineu Toledo.  Uma vez por semana, minha coluna vai ao ar por volta das 6h15 da manhã. Geralmente, às quintas-feiras. Beijo!

Foto: Ana Carolina Sartelli/ Flickr

Como levar energia elétrica para comunidades na floresta

Até o fim deste ano de 2019, o ISA, Instituto Socioambiental, e a Associação Terra Indígena Xingu  em parceria com o Instituto de Energia e Ambiente da USP vão levar sistemas de energia solar para 55 escolas, 22 postos de saúde e para mais 12 pontos comunitários da Amazônia. O projeto Energia Limpa no Xingu pretende se tornar uma referência em soluções de energia renovável e descentralizada em comunidades isoladas. Cerca de 760 mil brasileiros dependem dos sistemas desconectados daqueles fios de transmissão do Sistema Interligado Nacional. Aliás, até Boa Vista, capital de Roraima, usa sistema independente de geração de energia. Muitas comunidades isoladas da Amazônia, por exemplo, contam com geradores a diesel. Mas geradores a diesel são barulhentos, dão muita manutenção e custam caro para o bolso dos contribuintes e para o meio ambiente por serem extremamente poluidores. Usar torres de energia solar é uma alternativa. Energia solar tem um custo alto na instalação, mas compensa economicamente e ambientalmente ao longo do uso. O IEMA Instituto de Energia e Meio Ambiente está analisando os impactos do projeto piloto dessa instalação. Ao que parece, todas e todos sairemos ganhando.

*Este texto foi falado por esta palpiteira oficial no programa Desperta, da Rádio Transamérica, apresentando pelos queridos Carlos Garcia e Irineu Toledo. Uma vez por semana, minha coluna vai ao ar por volta das 6h15 da manhã! Geralmente, às quintas-feiras. Beijo!

Foto: IEMA