Em 2008, James Plankovic passou seis semanas lutando com suas pautas musicais. Seu objetivo era compor uma partitura para 37 instrumentos — flautas, pianos, metais e cordas. Isso por si só já parece uma tarefa complicada, mas o que Plankovic estava realmente tentando fazer era musicar um mapa-múndi.

“Cada massa de terra foi transformada em notação musical”, explica o compositor. “Notas, pausas, ligaturas e algumas expressões musicais como forte ou pianissimo foram reunidas de modo que, como resultado final, ao afastar-se da própria imagem, você veja as terras. Você vê uma parte do mundo.” O tal resultado está no video a seguir.

“A música é muito ativa”, diz o próprio Plankovic em um resumo da monumental porém brevissima obra. “Há alguns pontos fluidos e harmoniosos, e há áreas que são definitivamente impertinentes e discordantes. Isso reflete como o mundo é.”

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...